Indicadores: inadimplência

Indicadores: inadimplência

Indicadores: inadimplência – No post de hoje vamos examinar a % de pagamentos atrasados e a inadimplência medidos pelo Banco Central do Brasil. Como será que estes indicadores estão se comportando? Será que o número de caloteiros está aumentando ou diminuindo? Vamos aos dados.

Na figura 1, 2 e 3 nós podemos ver o comportamento do % de pagamentos em atraso entre 15 a 90 dias, ou seja, aqueles que não viraram inadimplência. A figura 1 traz o % total, a figura 2 o % de empresas e a figura 3 o % de pessoa física.

 Indicadores: inadimplência

Figura 1: % de carteira em atraso total.

dcalote2

Figura 2: % de carteira em atraso PJ.

dcalote3

Figura 3: % de carteira em atraso PF.

Analisando as figura 1 a 3 fica claro que o percentual em atraso está caindo, principalmente o atraso proveniente da pessoa física. Isto é um bom sinal, pois indica que o consumidor está atrasando menos para pagar suas contas. Como será que está a inadimplência? Que é o atraso de mais de 90 dias? Vamos conferir estes indicadores nas figuras 4, 5 e 6.

dcalote4

Figura 4: % de inadimplência total.

 dcalote5

Figura 5: % de inadimplência empresas.

 dcalote6

Figura 6: % de inadimplência pessoa física.

Tal qual o índice anterior, a inadimplência caiu também, mas o comportamento foi diferente. Subiu em 2011 e caiu em 2013, segundo o gráfico de controle. Agora, o que esperar? Será que vai subir ou cair em 2014? Veremos.

No votes yet.
Please wait...
3 respostas
  1. Maria Luisa Rossi
    Maria Luisa Rossi says:

    Muito Bom DR…..! Parabens pelas conquistas….

    No votes yet.
    Please wait...
    Responder
  2. Eric Artoni
    Eric Artoni says:

    O post faz todo sentido se levarmos em consideração o esforço das empresas em estratégias de crédito e cobrança. Muitas vezes o cliente já recebe algum contato do credor antes do 15º dia de dívida. As empresas estão sentindo os impactos da inadimplência e estão se atentando a isso com mais critério.

    No votes yet.
    Please wait...
    Responder
    • admin
      admin says:

      O que parece é que o brasileiro se endivida até certo ponto, cerca de 22% da renda familiar. Mais que isto ele não compromete, pois senão dá problema e já chegamos a este patamar.

      No votes yet.
      Please wait...
      Responder

Deixe uma resposta

Quer participar da conversa?
Deixe sua opinião! :)

Deixe uma resposta