8 benefícios da automatização de processos na empresa

Estamos passando pela Quarta Revolução Industrial: a era dos robôs inteligentes, das decisões baseadas em dados e da comunicação entre máquinas.

Por outro lado, essas são apenas algumas características da chamada Indústria 4.0. Nesse contexto, as empresas precisam se atualizar constantemente para não perderem a competitividade.

Logo, uma das soluções encontradas é o investimento na automatização de processos.

Então, aproveite para conhecer os nossos cursos Green Belt e Black Belt para que você possa entender mais sobre como aplicar a automização de processos no seu negócio.

Tornar rotinas ou procedimentos automáticos dentro da indústria traz muitas vantagens que podem ser medidas e acompanhadas com indicadores de desempenho.

Certamente, a otimização dos resultados é real e vai muito além do ganho de tempo. Então, para conferir os principais benefícios dessa tendência, acompanhe a leitura!

O que é a automatização de processos?

Automatizar é tornar automático, isto é, não depender da ação humana.

Isso se consegue por meio da tecnologia: softwares, aplicativos, máquinas e comandos que conseguem realizar tarefas sem a necessidade de um operador.

No entanto, a solução envolve uma verdadeira mudança em diversos componentes da empresa, como a restruturação de procedimentos e a adoção de estratégias que permitam uma automação sustentável, sem prejuízos de recursos.

Um dos aspectos mais importantes na automatização é gerir bem o papel dos colaboradores. Se não houver um bom planejamento, é natural que surja um clima de insatisfação dentro da equipe.

Automatizar é buscar melhorias, o que inclui distribuir responsabilidades e valorizar ainda mais os recursos humanos existentes.

Por exemplo, vale a pena automatizar aquelas tarefas em que o potencial do colaborador não é bem aproveitado. São rotinas mecânicas e que pouco exigem competências especiais.

Enfim, ao automatizá-las, o funcionário pode ser remanejado para tarefas em que o conhecimento é valorizado, o que motiva mais o time.

Por que investir em automatização de processos?

A implantação de softwares, o investimento em máquinas inteligentes e a programação de robôs são grandes aliados da qualidade e da produtividade.

Veja, abaixo, os principais benefícios da automatização de processos na empresa.

1. Diminuição de falhas

A operação humana é repleta de vantagens: percepção, habilidade e adaptabilidade são algumas delas.

No entanto, especialmente em rotinas que demandam velocidade na entrega de resultados, os erros podem ocorrer por falta de atenção, cansaço mental ou simplesmente por alguma distração momentânea.

Com máquinas, softwares e aplicativos, as chances de falhas são menores. Um colaborador pode cometer erros de digitação ou pular algum campo em tarefas simples.

Isso pode acontecer, por exemplo, ao extrair manualmente dezenas de e-mails de um banco de dados e mandar mensagens personalizadas para cada um.

2. Flexibilidade nas operações

A automatização de processos também anda lado a lado com a flexibilidade nas operações. Dados trocados em tempo real e produtividade otimizada são duas características que permitem uma linha de produção rápida e adaptável.

Assim, o conceito de automatização pode facilmente ser interligado à ideia de produção “just in time”, um dos legados do modelo Toyota. E, com isso, carregar importantes traços da filosofia lean.

Posteriormente, em caso de maior ou menor demanda, basta reprogramar o maquinário para não haver desperdício de recursos.

3. Redução de custos

A automatização pode demandar alguns custos iniciais. Afinal de contas é preciso adquirir recursos tecnológicos, fazer adaptações da empresa e realizar treinamentos com a equipe.

No entanto, no longo prazo, a iniciativa de automatizar processos contribui com a redução de custos. Há um uso mais racional de materiais e de mão de obra.

Além disso, como as tarefas executadas por máquinas apresentam menor índice de falhas, a tendência é que também haja economia de recursos com correções e retrabalhos.

4. Aumento de produtividade

A produtividade é potencializada com a automatização de processos. Afinal, os recursos tecnológicos podem não ter a mesma percepção humana.

Porém, normalmente conseguem realizar as mesmas tarefas em um espaço menor de tempo.

Isso vale especialmente para os procedimentos repetitivos. Um operador humano tende a ter seu rendimento prejudicado devido ao cansaço.

Já as máquinas conseguem manter o mesmo ritmo de trabalho por longos períodos, sem qualquer prejuízo no produto.

5. Mais transparência e controle

O uso da tecnologia para automatizar rotinas e procedimentos também confere uma comunicação mais ágil e precisa entre os setores. Os dados podem ser lançados, tratados e consultados em tempo real e de forma integrada.

Essa medida traz maior transparência à empresa e permite que decisões sejam tomadas com rapidez e embasadas em informações mais consistentes.

Além disso, esses dados podem ser convertidos em modelos que facilitem os feedbacks entre equipes, pois softwares são capazes de gerar relatórios e indicadores em diversos formatos instantaneamente.

6. Maior controle de prazos e entregas

Os resultados fornecidos com iniciativas de automatização também ajudam a ter um maior controle de prazos e entregas. Os dados obtidos proporcionam a integração de setores.

Ou seja, é possível ligar informações da fábrica aos sistemas de logística e repassar informações a fornecedores e até aos clientes.

Sem contar que, a depender dos objetivos da empresa com a automatização, a produção pode ser expandida. O maquinário é capaz de operar sem intervalos, 24 horas por dia.

Assim, o volume de entregas também cresce e a empresa consegue administrar melhor os prazos.

7. Monitoramento remoto

Com a Internet das Coisas (IoT, na sigla em inglês), todas as máquinas e dispositivos inteligentes são interconectados digitalmente. Isso quer dizer que as informações são compartilhadas em tempo real.

Desse modo, o monitoramento das rotinas industriais é facilitado e pode ser feito remotamente, já que a tecnologia permite o acompanhamento de máquinas a partir de outros objetos conectados à rede.

Até mesmo a manutenção corretiva se torna mais rápida, pois falhas são imediatamente comunicadas aos supervisores.

8. Mais segurança

Com o monitoramento constante e a troca de dados instantânea, a segurança dos colaboradores também é otimizada.

Os sistemas de controle, os sensores de falhas e os alertas automáticos fornecem o terreno ideal para correções rápidas em caso de problemas.

Assim, em face de qualquer irregularidade, são disparados avisos que podem dar início a procedimentos de segurança, como a evacuação do setor.

Os recursos tecnológicos também permitem a análise mais acertada e frequente da saúde de máquinas e equipamentos, em um esquema muito eficiente de manutenção preditiva.

Vale lembrar, por fim, que os efeitos positivos da automatização de processos podem ser potencializados com outras propostas de otimização.

A melhoria contínua é o que garante à empresa uma permanente vantagem competitiva, ainda mais nesse cenário de intensas transformações tecnológicas.

Para ficar por dentro de outros conteúdos como este, siga nossas redes sociais! Estamos no Facebook, no Twitter, no LinkedIn e também no YouTube.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *