como fazer um plano de carreira

Como fazer um plano de carreira focado em seus objetivos?

Para entender como fazer um plano de carreira é preciso entender que ele deve funcionar como um planejamento das metas traçadas no âmbito profissional que se baseia no objetivo de carreira de cada pessoa. Tais metas são estabelecidas por meio de etapas que permitem o crescimento do profissional, e, para tanto, são levados em consideração os valores pessoais, os recursos existentes, os recursos que serão necessários, as habilidades e a visão de futuro que cada um tem.

Nesse sentido, a resposta para a pergunta como fazer um plano de carreira não pode se limitar às pessoas que estão no início de sua carreira profissional. Ela deve ser aplicada também para diversas situações, como, por exemplo, diante de um redirecionamento de carreira; de dificuldade de recolocação no mercado; da abertura de um novo negócio; da aproximação da aposentadoria em uma empresa, quando o aposentado tem a intenção de continuar trabalhando de alguma outra maneira etc.

Enfim, em qualquer uma dessas situações, o plano de carreira permite que o indivíduo caminhe em direção aos objetivos traçados; contudo, só ele não é suficiente para se chegar ao sucesso profissional. É necessário também que a pessoa tenha persistência e não desista diante dos obstáculos, e busque por capacitações, seja paciente e tenha disciplina para cumprir com as etapas corretamente.

E aí, você sabe como fazer um plano de carreira correto, focado nos seus objetivos? Então continue a leitura e descubra quais são nossas dicas para você alcançar o sucesso profissional.

Crie um planejamento

De fato, o planejamento tem grande importância para quem tem objetivos na vida e quer traçar ações para alcança-los, e para quem busca o sucesso profissional não é diferente. O plano que você traça para a sua carreira pode te orientar na direção que deseja seguir, te mostrar quais serão os recursos necessários e qual será o tempo requerido para atingir esse objetivo.

Assim, a partir do momento em que o planejamento é realizado, o profissional tem a consciência de quais são as habilidades necessárias e as capacitações que precisam ser buscadas para alcançar a posição desejada. Esse direcionamento evita que o indivíduo perca seu tempo e dinheiro investindo em cursos que não poderão ser aproveitados em sua carreira profissional, e evita também que o profissional assuma um compromisso de trabalho fora da sua área, ou que fuja de suas metas.

Então, com base no que foi dito acima, percebe-se que o profissional terá mais chances de atingir o sucesso se a sua busca pelo conhecimento e as funções que exerce em seu trabalho estiverem alinhadas ao seu plano inicial.

Estabeleça metas e prazos

Uma vez que o planejamento foi estabelecido, e já se conhece o caminho a ser traçado, o próximo passo é definir as metas para a realização das ações do plano de carreira e determinar o prazo limite para o cumprimento de cada etapa. Esse passo permite ao profissional fazer uma autoavaliação do seu desempenho e comprometimento com o plano de carreira.

E, para tornar essa busca pelo sucesso menos desgastante, você pode criar recompensas diante dos obstáculos superados e etapas cumpridas, como a realização de uma viagem para descanso ou até mesmo a compra de algo que você deseja, por exemplo, para manter a motivação e a inspiração.

Como desenvolver um plano de carreira com ações

Os planos de ação são os caminhos que serão percorridos até que seja alcançado o sucesso que você busca. Por exemplo: se a fluência em inglês é um requisito obrigatório para ocupar o cargo que você deseja, deverá ser feito um plano de ação visando arrecadar o dinheiro necessário para pagar o curso, definir o tempo limite para terminar esse curso, realizar um levantamento de quais são os horários disponíveis, quais são as instituições com o melhor custo/benefício e qual certificação é mais valorizada no mercado.

Nessa etapa, também devem ser desenvolvidos planos paralelos, para o caso de o plano inicial não dar certo. Assim, você estará apto a tomar decisões de forma consciente, e com o risco calculado. Afinal, a maneira como você lida com o fracasso pode definir se ele irá te fortalecer ou te desmotivar, então, tenha sempre paciência para começar novamente e humildade para assumir os seus erros.

Tenha foco e disciplina durante a execução

Aqui, vale lembrar que de nada vai adiantar todo o empenho nas etapas anteriores se você não tiver disciplina para cumprir o que foi planejado e foco para estabelecer prioridades. Na verdade, a falta de disciplina pode prolongar sua jornada para o sucesso e torná-la mais desgastante, te obrigando, na maioria dos casos, a refazer seu planejamento.

Por isso, caso você tenha dificuldades para seguir um planejamento a longo prazo, comece com metas diárias ou semanais para desenvolver a disciplina no dia a dia e conseguir medir os resultados alcançados. Então, depois que o foco e a disciplina não forem mais problema, as etapas se tornarão mais fáceis e rápidas de serem cumpridas.

Reavalie o planejamento regularmente

Como você já deve ter percebido ao longo da sua vida, nossos desejos e objetivos vão mudando com o tempo. E essas mudanças são normalmente estimuladas por novas descobertas, novos conhecimentos e novas habilidades adquiridas. Com base nisso, é bom reavaliar regularmente o seu planejamento inicial para averiguar se os planos de ação estabelecidos anteriormente realmente te levarão ao seu objetivo maior.

Contudo, se forem necessárias mudanças constantes em seu planejamento inicial, e em intervalos de tempo pequenos, então é o momento de avaliar o seu plano de carreira. Isso porque é preciso que seus objetivos e ações para alcançar o resultado estejam de acordo com suas características pessoais, cultura, valores e habilidades, para que seja mantido o foco e você não corra o risco de prolongar muito a ação e investir de maneira equivocada.

Além dessas dicas para entender como fazer um plano de carreira, continua seus estudos!

E, além das dicas dadas acima, não deixe também de fazer leituras complementares. Elas te darão mais conhecimento para atuar na área escolhida, valorizar o networking, dar continuidade aos estudos, e fazer sua parte no crescimento da empresa em que trabalha, para ser bem visto por outros profissionais e assumir a responsabilidade de seus próprios atos — afinal, são essas atitudes que te diferenciam dos demais profissionais.

Por fim, caso você planeje desenvolver seu plano de carreiro dentro da organização que já está atuando, procure seu gestor para te ajudar a traçar seu plano de desenvolvimento e peça por feedbacks para te auxiliar no seu progresso. Além de garantir um plano de carreira melhor desenvolvido, essa atitude com certeza vai melhorar sua imagem dentro da empresa!

E então, o que você achou dessas nossas dicas sobre como fazer um plano de carreira? Sobrou alguma dúvida? Deixe-nos um comentário e nos conte qual dica te ajudou mais!

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *