Preço do imóveis versus venda de motos

Preço do imóveis versus venda de motos

Venda de motos – No artigo de hoje vamos mostrar duas séries históricas: o preço dos imóveis, por meio do  Índice de Valores de Garantia de Imóveis Residenciais Financiados (IVG-R) e a venda de motociclos. Como será que estão estes indicadores?

Escolhi a venda de motos por tratar-se de um indicador que pode nos dar uma ideia do apetite da classe C. No Brasil, as motos são analisadas como alternativa ao transporte público e dificilmente como uma alternativa ao automóvel. O mesmo pode-se dizer o IVG-R, mas este não é um indicador da classe C e sim do apetite da população por imóveis. Se o preço sobe é porque a procura (ou especulação) continua forte. Vamos ver como estes dois indicadores estão se comportando?

 Venda de motos

Figura 1: evolução das vendas de motociclos (Anfavea).

 post_04_02

Figura 2: evolução do IVG-R (Banco Central).

Analisando estes dois gráficos se podem tirar conclusões interessantes. A primeira é que a venda de motos parece ter estabilizado em torno de 150 mil unidades a partir de 2007. O crescimento mais forte no número de motos vendidas por mês aconteceu entre 1994 e 2006. Isto mostra que a indústria de motocicletas está tendo certa dificuldade para crescer. Já quanto ao IVG-R não se pode dizer o mesmo. Este índice parece que continua crescendo, ou seja, os imóveis continuam ficando mais caro, mas pelo menos não mais rapidamente.

E se compararmos os dois índices? Antes, precisamos considerar o mesmo período dos dois, março de 2001 até outubro de 2013. Depois, precisamos colocar a quantidade vendida em março de 2001 de motos como 100, para termos como comparar os dois. Pronto. Agora é só desenhar os dois gráficos (fig. 3).

 post_04_03

Figura 3: comparação entre os dois indicadores.

Olha que interessante. Pela figura 3 fica fácil de ver que os imóveis destoaram das motos. Parece que a partir de 2008 a ordem é comprar apartamento. Todos estão aproveitando para realizar o sonho da casa própria e deixando de comprar outros bens, como motos. Para melhorar esta análise sugiro compararmos o IVG-R com outros índices de atividade economia para verificar se todo o dinheiro do país está correndo para o setor da construção. Será interessante. 

1 responder
  1. Renato says:

    Interessante o artigo.
    Acho complicado comparar VOLUME de vendas de motociclos com PRECO de venda de imoveis. Ou seja, comparar Volume com Preco. O IVG-R pode subir mesmo com um volume baixo de vendas o que é um forte indicio de especulação

    No mais parabéns pelo artigo

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.