Linguagem corporal, como usá-la a seu favor.

Já aconteceu de você travar sua fala em alguma apresentação? Já reparou que algumas pessoas fazem determinados gestos enquanto proferem um discurso? Piscam demasiadamente, ou simplesmente não possuem uma postura correta. Além de nossa fala, nosso corpo também transmite importantes mensagens ao nosso interlocutor. A linguagem corporal é definida como a forma de criar uma comunicação não verbal por meio de expressões do corpo, expressões faciais, posturas e gestos. Lembrando que sempre a primeira impressão é a que fica, nossa postura e expressões físicas podem “entregar” nossos pensamentos e um Green Belt e Black Belt precisa estar sempre atento nesses itens.

Postura

No ambiente de trabalho, uma boa postura pode transmitir uma mensagem de firmeza e segurança para o seu interlocutor essencial para comandar projetos de melhoria. Além de nos beneficiar com um aumento de qualidade de vida, uma postura ereta no jeito de se sentar pode fazer seu trabalho ficar muito mais produtivo e menos cansativo.

Aperto de mão

Um aperto de mão normalmente é um dos primeiros contatos com um cliente, fornecedor, chefe, diretor ou novo colega de trabalho. É um ato de cortesia que transmite confiança. Um aperto de mão firme pode te ajudar a consolidar um novo negócio ou até mesmo te condicionar melhor a aquela vaga que você tanto deseja como  gerente de projetos!

Tom de voz e movimentos das mãos

Para cada diferente situação, um diferente tipo de mensagem podemos transmitir. É possível dar ênfase a determinadas partes da mensagens, como por exemplo a explicação das técnicas estatísticas em projetos Seis Sigma, porém sempre adequando nosso tom de voz para maior conforto dos nossos ouvintes ao longo do discurso. Gestos rápidos com as mãos, movimentos corporais, andar de um lado para o outro, podem ser elementos que chamem a atenção de seu ouvinte. Cria-se então uma pequena competição por atenção consigo mesmo. Por um lado seu discurso e por outro todos os seus elementos corporais.

Autoconhecimento

A chave para entender os nossos elementos corporais e como podemos controla-los é o autoconhecimento. Quanto melhor conhecemos nossa linguagem corporal e nossa fala, podemos treinar e condicionar todo o corpo a atuar alinhado com nosso discurso. Todo esse processo de autoconhecimento e treino leva, naturalmente, a um aumento da autoconfiança que é essencial para desempenhar bem no ambiente de trabalho.

 

Busque sempre uma qualificação de  qualidade como os da ESCOLA EDTI e utilize seus conhecimentos adquiridos com estas dicas de linguagem corporal para ser um profissional de sucesso.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.