Prêmio Deming

A importância de prêmios atribuídos a empresas geralmente se relacionam com feitos honráveis e que merecem ser destacados entre as demais.

Hoje iremos falar sobre um dos mais importantes prêmios concedidos no mundo empresarial japonês, assim denominado em homenagem ao dr. Edwards Deming, o introdutor dos conceitos de controle de qualidade no Japão, um dos pioneiros do Seis Sigma.

eBook: Conheça o Seis Sigma e o que ele pode fazer!

O grande resultado do Seis Sigma é redução de custos. Sem comprovação dos resultados financeiros, um projeto Seis Sigma não é aprovado, o que gera um compromisso por parte dos participantes do projeto em entregar resultados e não somente ideias e diagnósticos. A maneira mais rápida é dar o primeiro passo e adquirir o conhecimento necessário para a implementação de melhorias. Participar de um curso para ganhar habilidade necessária na aplicação das ferramentas é essencial!





Capa eBook: Conheça o Seis Sigma e o que ele pode fazer!



Origem do Prêmio Deming

O Prêmio Deming foi criado pela Associação Japonesa de Ciência e Engenharia (Juse) e é distribuído anualmente às empresas que mais se destacaram no desenvolvimento da qualidade de seus produtos através da prática do do Total Quality Management ( TQM) e a pessoas que tenham feito contribuições ao estudo do TQM ou à sua disseminação.

Até 1994 existiam três categorias do Prêmio Deming:

  • Indivíduos;
  • Empresas japonesas;
  • Empresas de outros países.

A partir de 1995 elas deixam de existir e o prêmio Deming torna-se na prática um Prêmio Mundial.

Na categoria indivíduos o primeiro prêmio foi dado em 1951 e o vencedor foi Motosaburo Masuyama.

Na categoria empresas, as vencedoras em 1951 foram:

  • Fuji Iron&Steel Co.;
  • Showa Denko K.K.;
  • Tanabe Seiyaka Co.;
  • Yawata Iron&Steel Co.

Os primeiros prêmios a empresas estrangeiras ocorre em 2001 e as vencedoras foram:

  • Sundaram Brake Linings Ltd. (Índia);
  • a Thai Acrylic Fibre Co. (Tailândia);
  • a Thai Carbon Black Public Co. (Tailândia);
  • a Sanden System Engineering Co. (Japão).

A contribuição de Deming, consultor de renome internacional, foi tão significativa para o Japão que em 1960 o Imperador conferiu-lhe a Medalha da Segunda Ordem do Tesouro Sagrado.

Nos Estados Unidos, onde Deming nasceu, sua contribuição também é reconhecida. Em 1956, ele recebeu a Medalha Shewhart de Qualidade e, em 1983, o Prêmio Samuel S. Wilks da Associação Americana de Estatística.

Apesar de ter iniciado sua carreira no campo específico do controle de qualidade, as contribuições de Deming vão mais além, abordando outros temas de administração, especialmente os relacionados com o estilo de gerência.

Falaremos mais sobre seus obetos de estudo a seguir:

A Lógica da Precificação

Os ocidentais pensavam no preço como um somatório dos custos mais a margem de lucro, ou seja, o preço era calculado baseado nos custos para produzir determinado produto somado a margem de lucro que se pretendia obter, o que ocasionava um preço elevado.

Para os japoneses a bordagem era feita de maneira diferente, subtraindo o preço pela margem de lucro. 

A precificação do produto era realizada antes de ser produzido e possuíam um limite de custos, ou seja, o produto tinha que ser produzido dentro desse limite de custos.

Ao ultrapassar, esse custos poderiam interferir na redução da margem de lucro. Era pensado no lucro que se deseja obter e também no preço, mas limitando os custos.

Outros fatores que eles também pensaram foi na eliminação de desperdícios, tempo ocioso, troca de ferramentas, defeitos e falhas.

Eles tiveram que pensar em como reduzir ao máximo as perdas, além de buscar desenvolver um método de controle da qualidade.

O conceito de PDCA

O ciclo PDCA é uma ferramenta de gestão utilizada no controle de processos voltada para a solução de problemas.

É um plano de ação que consiste em 4 passos a serem seguidos, com o objetivo de trazer melhorias a algum processo ou atividade.

Em inglês, PDCA significa Plan (planejar), Do (fazer), Check (verificar) e Act (agir).

Esse roteiro pode ser utilizado para solucionar problemas em uma empresa.

A fase de planejamento consiste no primeiro passo do ciclo. Planejar algo é definir aquilo que você quer que aconteça. A primeira coisa a se fazer é, então, definir os seus objetivos ou traçar as metas de resultados finais.

Com isso, é possível elaborar uma listagem das etapas que deverão ser cumpridas para atingir o objetivo definido.

A segunda etapa do PDCA é simples: execução.

Nela, você realizará as tarefas definidas na fase de planejamento. Deve-se então implementar o plano elaborado no passo anterior e, principalmente, acompanhar a sua evolução.

A etapa de checagem consiste no momento em que o resultado das ações executadas é avaliado e comparado com o que foi planejado no primeiro momento.

Esse momento é essencial para identificar quaisquer erros no plano de ação e verificar se os padrões de qualidade estão sendo cumpridos.

A última etapa, de ação, é importante para que se possa agir corretivamente em caso de serem encontradas distorções entre a execução e o plano.

Se tudo ocorrer dentro do planejado, a etapa de ação consistirá em uma padronização do processo e na consequente conclusão do ciclo.

Achou interessante saber sobre essa premiação e aprender um pouco sobre Deming? Compartilhe o texto em suas redes sociais! 

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *