Entenda por que a gestão de qualidade é importante

Você sabia que a gestão da qualidade pode ser um grande diferencial competitivo para você se destacar diante da sua concorrência?

Independentemente da área de atuação da sua empresa, essa é uma ótima maneira de construir um ideal de tanto valor. Mas antes de tudo, você precisa entender sobre o que se trata.

Estamos diante de um mercado com consumidores cada dia mais exigentes, por isso o seu empreendimento necessita maximizar as suas vantagens.

Você pode fazer isso trabalhando no aperfeiçoamento dos seus serviços e construindo uma boa presença de marca, a fim de cativar ainda mais o seu público e obter maior engajamento.

Isso e muito mais você também pode ver com a EDTI, através das nossas certificações para Green Belt e Black Belt, que exigem muita dedicação assim como a gestão da qualidade.

E como encontrar essa vantagem, que pode auxiliar na produtividade e nas rotinas do seu negócio? Conhecendo de maneira ampla o seu modo de controle e administração.

Então, para saber do que se trata a gestão de qualidade, a sua importância e os diversos benefícios que ela pode trazer para a sua empresa, continue lendo nosso artigo.

O que é gestão da qualidade

A gestão da qualidade é uma estratégia que sua empresa pode abordar para ter como foco a melhoria e otimização da produção ou dos serviços do seu negócio.

No período da 2ª Guerra Mundial, essa metodologia surgiu com o nome de “controle de processos”, mas esse termo não refletia bem o verdadeiro objetivo da proposta.

Você só conseguirá definitivamente entender o seu significado se souber de fato o que é de fato gestão da qualidade.

A definição dada pela ISO 9000 da norma ABNT é: “grau no qual um conjunto de características inerentes satisfaz a requisitos”. Meio abstrato, não é mesmo?

Vamos aplicar essa definição aos negócios para entender o que ela realmente denota para o seu aprendizado.

Ao entregar um produto ou serviço de forma satisfatória ao seu cliente, seja a curto ou longo prazo, com o objetivo de solucionar suas dores e problemas, você estará oferecendo uma experiência única.

Ou ainda quando você e sua empresa superam as expectativas do seu público. E ela também está ligada ao processo de produção, fabricação e distribuição.

Isto é, a gestão da qualidade é um método que está presente ponto a ponto em toda a cadeia produtiva do seu empreendimento.

O primeiro contato de muitos empreendedores com esses aspectos normalmente acontece ao fazer um curso de Lean Manufacturing, que tem em seu propósito principal a redução de sete tipos de desperdícios.

O incentivo dado pela metodologia Lean e pelos aspectos desse modelo de gestão ajuda na qualificação de qualquer profissional.

Ainda não ficou claro? Não tem problema. Vamos passar por cada principal ponto pelo qual este modelo está presente dentro da sua organização.

A gestão da qualidade passa pela fiscalização de todos os processos da cadeia produtiva da sua empresa, seja na produção de produtos ou na prestação de serviços.

Ela acontece quando é decidida implementação de medidas, ferramentas e estratégias cujo o foco é a otimização, visando impulsionar o aperfeiçoamento do que você entrega.

Muito comum pensar que isso só é possível fazer isso com a obtenção de importantes certificações, como a ISO 9000, considerada a mais conhecida e importante do mercado.

De fato, uma certificação pode ser um excelente diferencial competitivo e vale a pena investir nela. Porém, você pode seguir outros caminhos para conquistar uma vantagem competitiva.

Alguns modelos podem ser usados como referência, assim como diversos conhecimentos de cursos específicos da área também podem ser aplicados no modelo de gestão.

Entre alguns dos pontos abordados, podemos citar evidenciando a totalidade da sua eficiência os seguintes:

  • foco na satisfação do seu consumidor;
  • melhoria nos processos de liderança na organização;
  • implementação de processos que compreendam o sistema global da sua empresa;
  • busca de melhorias contínuas nas rotinas do negócio;
  • modificações embasadas em dados concretos;
  • busca de relações saudáveis com parceiros e fornecedores.

Tenha em mente que tais mudanças são executadas a fim de melhorar o ambiente de trabalho do seu empreendimento e oferecer mais inovação nos serviços prestados ao seu cliente.

Desse modo a sua marca se mantém no mercado, conhece as tendências do seu segmento e permite que gestores e colaboradores se autoavaliem quanto ao seu próprio comprometimento diário.

Benefícios da gestão da qualidade

A implementação da gestão de qualidade, como você pôde perceber até aqui, é de extrema importância para o seu negócio. Mas não é só isso que ela traz consigo.

Esse modelo de gestão proporciona uma gama diversa de benefícios para você e a todos os envolvidos da sua empresa.

O empreendedor que souber aproveitá-los da melhor forma pode fazer com que a sua marca fique cada vez mais alinhada às táticas que o levarão ao sucesso desejado.

Além disso, todos os benefícios que uma gestão do tipo possibilitam um melhor gerenciamento de processos. Então, confira a seguir os principais benefícios conquistados.

Redução de prejuízos

Quando a gestão da qualidade é estabelecida para a sua empresa, surge com ela a otimização da elaboração de produtos e serviços.

Isso vem acompanhado da possibilidade de buscar por bons fornecedores, melhores formas de produzir determinada demanda e maneiras de melhorar a entrega.

Tudo isso com o objetivo principal de atender melhor às expectativas do seu cliente, dentre tantos outros aspectos.

Dessa forma, a importância do serviço prestado pela sua marca tende a aumentar e, consequentemente, há uma redução no prejuízo derivado de reparação ou perda de peças.

Uma situação como esta, permite que um analista de processos coloque em prática as diretrizes aprendidas no Sistema Toyota de Produção (Lean) , trazendo assim um diferencial competitivo.

Aumento nas vendas

Tendo produtos e serviços confeccionados dentro desse escopo com certeza atraem a atenção do seu target, levando-o à aquisição com muito mais facilidade.

Por mais que isso eleve o valor final para o seu público, um maior investimento em um serviço que o satisfaça compensa muito mais do que em algo que deixe a desejar.

Lembra que falamos sobre o quão exigente um cliente pode ser? Então, colocando em prática as diretrizes contidas na gestão da qualidade, a sua empresa encontrará boas maneiras de satisfazer seus consumidores.

E você será capaz de possibilitar uma melhor previsão de vendas à sua equipe, possibilitando ótimas estratégias para atingir novas e melhores metas.

Branding — Melhora na percepção da sua marca

A implementação da gestão da qualidade é considerada uma maneira de construção da imagem do seu empreendimento na mente do seu consumidor final.

Logo, fica difícil não pensar no Branding, que nada mais é do que um importante caminho de valorização e comprometimento.

Uma das principais características presentes à figura de uma empresa com um branding bem desenvolvido é a eficiência dos seus produtos.

Colocando, assim, essa característica como uma das mais preocupações mais valiosas para o negócio. Fora isso, ela deve apresentar para o mercado praticidade, inovação e design impressionantes para seus produtos.

Ao aplicar esses processos de otimização, um potencial cliente consegue associar a sua marca a algo que sempre excederá as expectativas, se mostrando como um grande diferencial nos seus negócios.

Tão importante quanto os consumidores, são os seus colaboradores orgulhosos de fazer parte do time. Afinal, todos os aspectos que envolvem o seu empreendimento precisam ser positivos.

Desta forma, a sua organização se tornará referência no mercado e receberá um alcance ainda maior.

Aumento na produtividade das equipes

Trabalhar na melhoria da qualidade do seu produto ou serviço final também permite a melhora na produtividade da sua empresa.

Mas tenha em mente que um aumento de produtividade não significa necessariamente entregar o resultado final com mais rapidez, mas sim ter uma melhor entrega.

Isso significa que você e sua equipe estarão aptos a entregar um resultado com o mínimo de perdas e dentro da superação dos prazos estabelecidos.

De acordo com esse ponto de vista, a gestão da qualidade para a empresa se apresenta de modo bastante eficiente e representa ganhos significativos no seu negócio.

Agindo, então, seguindo essas definições, a sua marca incentivará os seus funcionários ao comprometimento, melhorando o ritmo de trabalho de cada membro do time e cultivando um bom crescimento profissional.

Diferencial competitivo

Demonstrar preocupação com o consumidor, almejar a superação de expectativas e torná-la prioridade, assim como entregar um produto ou serviço de qualidade, são exemplos perfeitos do que é um diferencial competitivo.

Todos esses aspectos podem colocar o seu negócio muitos passos à frente da sua concorrência, principalmente se você estiver dentro de um mercado com pouca competição.

Agora se o seu empreendimento está em um ramo mais concorrido, o que seria um diferencial para você e sua equipe passa a ser uma obrigação.

Visto que a sua concorrência provavelmente implementará também uma gestão da qualidade com eficiência nas suas respectivas empresas.

É muito comum ver algumas organizações copiarem estratégias que deram certo, acreditando que ao adotar o modelo já existente alcançará o mesmo sucesso.

Porém, isso vai totalmente contra o que estamos te mostrando e ensinando aqui neste artigo.

Conquistar este patamar diante os seus consumidores requer muito trabalho e comprometimento. Cada indivíduo carrega missões e visões que norteiam os seus propósitos empresariais.

Logo, você e sua equipe devem sempre buscar conhecer melhor o local em que atuam e trabalhar a fim de alcançar um aperfeiçoamento dentro dele.

Métricas da gestão da qualidade

Na sua sua busca por conhecimentos sobre gestão da qualidade nas empresas, você pode ter encontrado algumas maneiras de medir seus resultados e estar cada vez mais alinhado com o comprometimento das metas.

Essas métricas, por sua vez, trazem segurança para o seu investimento e asseguram que o melhor caminho seja tomado. Aproveite para conhecer algumas das quais você precisa adotar.

Custo da gestão da qualidade

Um planejamento deve ser elaborado antes da realização de qualquer investimento com o objetivo de fixar regras, restrições e itens que garantirão a produção de um resultado único e satisfatório.

Por isso, aspectos referentes ao tempo, comunicação, recursos e, principalmente, custos necessitam ser definidos. Pois, sem esses parâmetros o seu empreendimento pode gerar atrasos e outros contratempos.

É fundamental ter uma noção do quanto será gasto com o processo de melhoria dentro da sua empresa. Assim como uma auditoria se faz necessária e totalmente importante para o sucesso do negócio.

Em casos de terceirização do serviço, tenha certeza que o fornecedor escolhido é conhecido no mercado e que orientará a sua equipe a respeito dos caminhos necessários ao aperfeiçoamento das tarefas.

ROI — Retorno sobre investimento

O ROI é uma métrica que com certeza vai te ajudar na gestão da qualidade na sua empresa e garantirá que o seu investimento terá um bom lucro.

Quando analisada a situação dos ambientes de trabalho existentes, algumas alterações precisarão ser feitas, podendo ser preciso adquirir novos softwares, programas ou adotar outras ferramentas comerciais.

Para saber qual serão entãos os valores, basta realizar o cálculo seguindo a fórmula a seguir: (Retorno do Investimento – Custo do Investimento) / Custo do Investimento.

Lembre-se sempre que só os projetos que cobrem o valor da sua aplicação são aqueles que trarão bons resultados ao seu negócio.

Portanto, é vital saber fazer escolhas de forma qualitativa, já que este é o principal motivo por trás da proposta de mudança.

Controle e monitoramento da qualidade

Além de implementar a gestão da qualidade na sua empresa, você e sua equipe precisam também saber como mantê-la e monitorá-la diariamente.

Pois, sem uma constante verificação, os problemas existentes anteriormente tendem a retornar e todo o investimento realizado pela sua organização será perdido.

Temos certeza que você não quer passar por esse contexto nem em sonhos, não é mesmo? Sendo assim, faça periodicamente checagens e pesquisas de satisfação.

Um projeto desta magnitude precisa contemplar todas as áreas que fazem parte da sua empresa. Logo, sempre estude e leve em consideração todas as possíveis formas de gerenciamento do conhecimento.

Com isso, você será capaz de ajudar a manter o seu ambiente corporativo ainda mais dinâmico e focado na motivação.

Como implementar a gestão da qualidade na empresa

Você pode tirar proveito de algumas importantes medidas para implementar a gestão da qualidade na sua organização, a contratação de uma consultoria especializada.

Essa empresa será responsável por analisar todos os processos do seu negócio e por indicar as mudanças que deverão ser implementadas a fim de atingir melhorias significativas.

Outra atitude fundamental é trabalhar na obtenção de certificações, tal como a ISO 9000, e seguir os protocolos recomendados pela ABNT e os manuais referenciais da sua área de atuação.

Por fim, mas não menos importante é estar capacitado a entender o processo implementação deste modelo gestão, tendo domínio sobre o que está sendo trazido para o seu empreendimento.

Todas as adaptações devem acontecer de maneira consciente e totalmente focadas nas peculiaridades da sua empresa.

Os principais erros cometidos

Durante o processo de implementação, você e sua equipe devem se atentar a possíveis erros que possam comprometer as rotinas produtivas a fim de evitar o seu acontecimento.

Portanto, mantenha todos os gestores envolvidos em alerta máximo. Pois, é muito comum que existam algumas falhas antes cometidas que não devem se repetir.

Ausência de implementação

Como mencionamos acima, a participação dos gestores é vital durante todas as etapas da implementação dessa gestão e de qualquer mudança na rotina da sua organização.

E quando diz respeito à qualidade, deve-se ter uma preocupação maior, já que existem adequações e transições críticas e que precisam ser continuamente analisadas.

Na maior parte das vezes, algumas decisões precisam ser modificadas para trazer melhores resultados posteriormente. Porém, isso só será percebido se houver uma participação ativa do processo.

Utilizar procedimentos já adotados

Quando falamos sobre diferencial competitivo, já adiantamos um pouco este tópico. E como você pode recordar, utilizar um procedimento adotado em outro negócio faz com que a sua empresa deixe de lado características essenciais dela.

Isso pode até mesmo prejudicar o rendimento a curto e a longo prazo do seu empreendimento. Caso queira se inspirar em algum projeto, é extremamente necessário fazer adequações necessárias, respeitando a natureza da sua organização.

Falta do registro adequado

Tudo o que for obtido deve sempre ser registrado adequadamente, principalmente as não conformidades encontradas. O que inclui relatar a resolução definida e como a sua evolução ocorre em um determinado período.

Isso é vital para que os envolvidos possam analisar o histórico e prevenir que os problemas se repitam a longo prazo.

As certificações de qualidade

Quando falamos sobre gestão da qualidade, temos que entender que uma certificação traz mais credibilidade à sua marca e te ajudará na qualificação do responsável pela realização deste upgrade.

Vale ressaltar que a sua empresa segue o que é proposto pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), significa que ela está dentro das conformidades e boas práticas de mercado.

São muitos benefícios uma certificação resulta ao seu negócio, dentre eles podemos citar o comprometimento na equipe, a redução de desperdícios e a boa presença institucional.

Os modelos de certificações mais conhecidos no Brasil são:

  • ISO 9001 (Gestão da qualidade);
  • ISO 14001 (Qualidade da gestão ambiental);
  • ISO 16001 (Responsabilidade social).

É muito importante que o profissional com a posse de algumas dessas certificações tenha um amplo conhecimento de todas normas e a maneira correta de implantá-las.

Pois, elas serão conferidas e analisadas futuramente através de auditoria ou consultoria contratada pela sua empresa a fim de validar seus serviços. Logo, é necessário muita atenção e comprometimento.

Conclusão

Você pôde perceber ao longo deste artigo que a gestão da qualidade é um fator primordial para o sucesso das suas ações empresariais.

Conhecendo as normas, investimento na certificação ou em cursos de melhoria, e melhorando processos, a sua empresa encontra um diferencial competitivo e consegue receber o destaque que tanto almeja alcançar.

E agora que você conhece todos os benefícios e importância da gestão da qualidade, veja também sobre melhoria contínua no nosso artigo “Saiba como estabelecer a cultura de melhoria contínua na empresa“.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *