Gestão por competência

Gestão por Competência: objetivos e desafios!

publicado em | atualizado em

As empresas de sucesso cultivam alguns pontos essenciais em comum, e um deles é o reconhecimento de que o capital intelectual é fundamental para manter a competitividade no mercado. No entanto, encontrar os profissionais adequados para cada competência não é uma tarefa fácil e, para tornar isso efetivo, é interessante aplicar métodos como a gestão por competência.

Neste post, você saberá do que se trata o tema, seus objetivos, desafios, entre outras questões que podem ajudar o seu negócio a evoluir e se transformar em um empreendimento muito mais competitivo. Confira!

O que é gestão por competência?

O que é gestão por competência?

É uma metodologia responsável pela análise das habilidades, do conhecimento e das potencialidades dos colaboradores de uma organização. Por meio dela é possível identificar talentos que podem ser aproveitados adequadamente em cada cargo da empresa a fim de alcançar um desempenho de sucesso. Por isso, seu foco é na atração, seleção, contratação e desenvolvimento das pessoas que se enquadram nesses cargos.

Quais os principais objetivos da gestão por competência?

Quais os principais objetivos da gestão por competência?

O principal objetivo desse método é identificar e desenvolver as capacidades dos colaboradores no sentido de conseguir o máximo de retorno para o negócio, aplicando as competências individuais e coletivas.

Dessa forma, se torna possível converter essas potencialidades em combustível para promover o alcance dos objetivos e das metas da empresa. Trata-se, portanto, de um método capaz de rastrear e especificar as melhores qualificações para que a organização se desenvolva satisfatoriamente.

Etapas de aplicação da gestão por competência

A aplicação desse método requer a implementação de algumas etapas, conforme descrevemos brevemente, a seguir:

Definição das competências

Esse é o primeiro passo a ser dado. Aqui, cabe listar quais competências são consideradas fundamentais para o bom desempenho do seu negócio. É preciso identificar as habilidades, o conhecimento e as condutas que se espera dos colaboradores a fim de alinhá-los aos valores e à cultura da organização.

Apuração dos perfis

Nem todas as empresas incluem essa etapa, mas ela é essencial. Assim, é interessante que o perfil contenha uma descrição sucinta a respeito de cada competência, com exemplos simples e práticos acerca de sua aplicação no dia a dia. A sugestão de algumas atividades também pode ajudar no seu desenvolvimento.

Implementação

As competências eleitas como fundamentais devem ser introduzidas na rotina da empresa, em cada cargo, de acordo com as necessidades do seu negócio, lembrando-se de que a remuneração também precisa corresponder ao desempenho esperado em cada função.

Treinamento dos times

Uma vez definidas as competências e identificadas em cada função, é necessário promover o devido treinamento dos colaboradores para que eles desempenhem suas habilidades de acordo com as expectativas da empresa.

Estimativa dos resultados e aperfeiçoamento

Nessa etapa, você pode verificar se a gestão por competência da sua organização está surtindo o efeito desejado, por meio do desenvolvimento de um modelo de mensuração. Essa medida favorece o aprimoramento das atividades, identificando tudo o que ainda é necessário fazer para se chegar ao resultado esperado. Além disso, ela possibilita o alinhamento da condução dos treinamentos, avaliações, recrutamento entre outras ações.

Desafios

Convencer os departamentos sobre sua importância

Um dos desafios está na forma como esse método é visto. Muitos ainda não o consideram essencial para a melhoria dos negócios. Dados de um estudo do State of Leadership Development Study demonstram que 31% das empresas consultadas ainda não haviam delimitado competências importantes em suas lideranças. Isso implica na necessidade de educar os gestores a respeito da relevância dessa abordagem.

Identificar as melhores competências

Ainda que uma organização reconheça a necessidade de implementar a gestão por competência, não é tão fácil identificar quais são as mais críticas para o negócio. É necessário, então, lançar mão de uma boa estratégia de avaliação para resolver essa questão.

Alinhar as competências com os objetivos da companhia

Por último, ao serem devidamente identificadas, a prática das competências deve ser alinhada com os objetivos do negócio, priorizando o investimento nessa atividade, o que ainda é difícil ocorrer em grande parte das empresas. No entanto, quando implementada corretamente, os benefícios são certos e aparecem rapidamente.

Benefícios dessa abordagem

Os benefícios são incontáveis, desde a redução de custos até colaboradores mais engajados. Então, vejamos um pouco mais de detalhes sobre os principais proveitos que uma empresa pode ter.

Mais produtividade

Sem dúvida, quando se usa as competências naturais dos colaboradores, especialmente as soft skills, o encaixe adequado acontece, promovendo mais satisfação individual, felicidade e engajamento dos profissionais em suas atividades, o que impacta diretamente na produtividade, já que o trabalho rende muito mais.

Resultados mais positivos

Colaboradores felizes e engajados contribuem com resultados muito melhores e de maneira mais ágil e assertiva. Quando uma pessoa desenvolve um trabalho que gosta e domina, os objetivos são alcançados com muito menos esforço.

Clima organizacional leve

O ambiente de trabalho fica muito melhor quando as pessoas produzem motivadas, felizes e identificadas com o que estão executando. Quando uma empresa consegue elevar o potencial de cada colaborador se torna clara sua preocupação com o desenvolvimento pessoal da equipe, o que contribui com a retenção de talentos.

Diminuição da taxa de turnover

Saber a quantas anda a rotatividade dos colaboradores da empresa é um bom termômetro para medir a taxa de insatisfação da equipe. Porém, a prática de gestão por competência certamente reduz essa taxa, já que os funcionários acabam trabalhando com mais motivação.

Redução de gastos

Com a melhora de todos os pontos acima descritos, principalmente a taxa de turnover, os gastos diminuem sensivelmente, uma vez que não será necessário investir constantemente com despesas originadas de demissões, novas contratações e treinamentos.

Livros e materiais para aprender mais sobre a gestão por competência

Para começar a elaborar um bom programa de gestão por competência vale investir em treinamento e desenvolvimento por meio de palestras, workshops, cursos, seminários, oficinas, livros e outros materiais de apoio, como os que estão no site Competency Library. Lá você encontra extenso material sobre diversas competências e modelos de gestão que facilitam a elaboração de perfis.

Uma boa sugestão de livro: “Descubra seus pontos fortes”, de Donald O. Clifton e Marcos Buckingham. Seu conteúdo mostra que a maioria das organizações ignora os pontos fortes de seus colaboradores e, agindo dessa forma, acabam desperdiçando tempo e dinheiro na tentativa de reparar as fraquezas do time, em vez de ajudá-lo a alcançar a excelência.

Conclusão

Conforme podemos analisar nesse conteúdo, fica claro que a competitividade dos negócios se relaciona mais às competências internas que à visão de mercado. Basta entender que é o capital humano o responsável pelo impulso dos resultados positivos, afinal, quando as pessoas atuam naquilo que dominam e sentem satisfação em executar tudo flui melhor.

E então, já pensou em começar a implementar a gestão por competência na sua empresa? Além dessa metodologia, existem outras igualmente relevantes para os negócios prosperarem mais. Confira aqui!

[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d<c.length;d++){var e=c[d]
[index]
[index]
[523.251,659.255,783.991]
[523.251,659.255,783.991]
[523.251,659.255,783.991]
[523.251,659.255,783.991]
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d<c.length;d++){var e=c[d]
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d<c.length;d++){var e=c[d]