requisitos

Quais os pré-requisitos para tirar a certificação Six-Sigma?

Você conhece os requisitos da certificação Six-Sigma?

Você certamente já ouviu falar de certificação Seis Sigma, não é? Elas são altamente valorizadas no mercado e garantem ao profissional uma atuação muito versátil. Com excelente aplicabilidade, especialistas na metodologia Lean são procurados nos mais variados nichos e segmentos.

Mas, afinal, quais são os passos para ter essa certificação? Existem pré-requisitos para certificação Six-Sigma? Leia este texto e entenda um pouco melhor os níveis belt, a função de cada um dentro da empresa e como você pode se tornar um profissional certificado!

O que é a certificação Six-Sigma?

A certificação Six-Sigma ou Seis Sigma é uma especialização em gestão com base na Filosofia Lean. O curso e o certificado comprovam que o colaborador — que não precisa ter uma formação específica — está apto para coordenar e administrar diferentes tipos de projetos.

Na prática, o profissional realiza uma capacitação acadêmica, ou seja, um curso com conteúdos teóricos. São abordados conteúdos como:

  • modelos de melhoria contínua;
  • ferramentas de qualidade;
  • análises de variações e tendências;
  • estatísticas descritivas;
  • análise de dados;
  • balanceamentos e correlações entre variáveis;
  • teste e implementação de mudanças etc.

Ao final, ele submete um projeto simulado de sua autoria para avaliação. Caso demonstre capacidade de identificar falhas e propor soluções que promovam a melhoria contínua, recebe a certificação Six-Sigma. O documento não tem data de validade, por isso pode ser usado pelo profissional por toda a vida.

Quais são os tipos de certificação?

Você provavelmente já ouviu falar nas diferentes certificações Seis Sigma, certo? Cada nível da “hierarquia dos cintos” — White, Yellow, Green, Black e Master Black Belt — corresponde a certificações mais avançadas, a exemplo das artes marciais.

Não é obrigatório começar da mais simples até chegar na mais complexa, como se uma fosse pré-requisito da outra. No entanto, para os níveis mais avançados de Black e Master Black, o aluno precisa comprovar alguns conhecimentos prévios e, ainda, realizar módulos introdutórios das certificações Seis Sigma anteriores. São elas:

  • White Belt: a primeira certificação trata do nível operacional dos projetos. Os profissionais White podem auxiliar os Yellow, Green e Black na execução de iniciativas mais rotineiras na empresa, como a coleta de dados;
  • Yellow Belt: os profissionais do nível Yellow estão aptos a gerenciar ações mais táticas dentro dos fundamentos Six-Sigma. Também podem assumir funções de suporte aos Green e aos Black, com foco na utilização de ferramentas Lean;
  • Green Belt: os Green Belt assumem posições de liderança e gerenciamento de projetos menos complexos. Dentro das empresas, são eles que detêm mais conhecimento sobre ferramentas e modelos de análise de dados para coordenar equipes de qualidade, além de serem responsáveis por decisões estratégicas;
  • Black Belt: os Black Belt são especialistas em Six-Sigma e, como tais, assumem cargos hierárquicos superiores na empresa, dedicando 100% de seu tempo à implementação e acompanhamento de programas mais avançados da filosofia Lean;
  • Master Black Belt: os Master Black Belts são o nível mais alto da hierarquia e, portanto, podem até mesmo assumir cargos superiores aos dos Black Belts. São eles que direcionam estratégias, coordenam iniciativas e desenvolvem as competências e habilidades da equipe com foco em mudanças mais profundas.

É interessante notar que a certificação Six-Sigma de Black ou Master Black inclui, além de conhecimentos técnicos próprios do programa, técnicas de comunicação. Desse modo, boa parte de sua atuação é voltada para as relações interpessoais e a capacidade de liderança.

Quais são as vantagens de ter uma certificação?

Como você viu, as certificações Seis Sigma são muito versáteis e garantem ao profissional um vasto leque de aplicabilidade no mercado. Além dessa vantagem, conheça outras abaixo!

É uma profissão em franco crescimento

As empresas preocupadas com sua posição competitiva no mercado buscam meios de otimizar seus processos e potencializar os resultados. Nesse sentido, equipes de qualidade são cada vez mais comuns em diversos nichos — e é aí que está a grande oportunidade para os profissionais interessados na certificação Six-Sigma.

Essa área de atuação está em franco crescimento. Por isso, ter um certificado em um dos níveis belt é um passo certeiro para ter a carreira impulsionada e alcançar boas chances de colocação profissional, mesmo em um cenário muito concorrido.

O cargo é bastante valorizado financeiramente

De acordo com uma pesquisa realizada em 2014 pela American Society of Quality (ASQ), um profissional que tem alguma das certificações Seis Sigma ganha cerca de 12% a mais do que os concorrentes do mesmo ramo de atuação, sem esse tipo de especialização.

Os níveis mais altos, como o Black Belt e o Master Black Belt, são ainda mais valorizados financeiramente, com salários que alcançam a marca de $ 91,601/ano nos EUA — cerca de R$ 29.000 por mês no Brasil. Isso porque eles assumem cargos de liderança dentro das equipes Six-Sigma e têm habilidades e competências muito versáteis.

A atuação é muito versátil

A certificação Six-Sigma abre uma gama de opções muito grande ao profissional. Ele pode atuar no gerenciamento de processos, na análise de dados, no estudo de estatísticas, no desenvolvimento de equipe etc. Não só as atividades desempenhadas são versáteis, como a aplicabilidade em mercado também.

Os especialistas na filosofia Lean são procurados em empresas de todos os tipos, porque os objetivos são interessantes em qualquer nicho: mais resultados, menos falhas e maior produtividade. Desde setores eletrônicos, financeiros ou comerciais, até indústrias metalúrgicas, aeroespaciais, e por aí vai.

A profissão leva a um crescimento pessoal

Para completar, o curso da metodologia Lean eleva tanto o profissional como o pessoal. O interessado aprende a solucionar problemas, a estabelecer relações interpessoais mais saudáveis e a refinar suas habilidades de liderança.

Desse modo, mesmo que não haja atuação em equipes Six-Sigma, certamente há um grande aproveitamento em toda a carreira e até mesmo em processos do cotidiano. A certificação torna a pessoa mais preparada para lidar com mudanças, avaliar riscos e otimizar processos.

Como tirar a certificação Six-Sigma?

Agora, se você está questionando se há pré-requisitos para certificação Six-Sigma, temos uma boa notícia: qualquer um pode realizar o curso! Engenheiros, técnicos de qualidade ou mesmo estudantes de outras áreas que queiram aprimorar seus conhecimentos. Basta procurar o treinamento e se empenhar na elaboração do projeto simulado.

Existem diversas escolas no Brasil que oferecem as certificações Seis Sigma, inclusive com opções de cursos a distância. Para impulsionar sua carreira e adquirir habilidades muito valorizadas em mercado, você já sabe: basta começar um curso da metodologia Six-Sigma. No entanto, vale lembrar que é preciso procurar um curso de qualidade, em uma escola com reputação sólida.

Quer entender mais sobre cada tipo de certificação e descobrir qual é a mais indicada para o seu perfil? É fácil! Entre em contato com a Escola EDTI! Somos especialistas em Six-Sigma! Ou inscreva-se já no nosso Green Belt!

No votes yet.
Please wait...
0 respostas

Deixe uma resposta

Quer participar da conversa?
Deixe sua opinião! :)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *