gamificação-metodologia-lean

O que é gamificação? Saiba como unir com a metodologia lean

O que é gamificação? Saiba como unir com a metodologia lean

Você sabe o que é gamificação e como ela pode ser empregada no seu ambiente corporativo? Nos últimos anos as empresas estão adotando várias estratégias para gerar engajamento e melhorar os processos de aprendizado de seus profissionais.

A forma como as equipes se envolvem com o dia a dia do negócio é crucial para o seu sucesso. Profissionais pouco motivados geram piores resultados, não aplicam as mudanças feitas pelo planejamento em seu dia a dia e causam piores resultados. Um ambiente com baixo engajamento também contribui para gerar menos uniformidade na qualidade dos processos, uma vez que os incentivos para que eles ocorram dentro de um nível unificado de qualidade será menor.

Justamente por isso, manter os times envolvidos no dia a dia da empresa é algo crítico para qualquer gestor. Se há baixo envolvimento, as equipes deixam de atingir os seus resultados e há menos engajamento nas decisões da liderança.

Uma das formas de garantir que o engajamento seja ampliado é com o apoio da gamificação. Nesse processo, a atmosfera do ambiente de trabalho se torna mais lúdica e atrativa a partir do uso de recursos presentes em jogos. Os times são estimulados com o apoio da competitividade e da busca por melhores resultados.

Quer saber mais sobre o tema e como a gamificação pode ser aplicada com o apoio da metodologia Lean Six Sigma? Então confira o post a seguir!

O que é a gamificação?

O termo gamificação ganhou popularidade no final dos anos 2000. Ele está relacionado à aplicação de dinâmicas tradicionalmente presentes em jogos no dia a dia de pessoas. Assim, é possível obter mais engajamento e envolvimento de pessoas.

Um dos primeiros aplicativos de sucesso a levar a gamificação para o dia a dia foi o Foursquare, atual Swarm. Voltado para a realização de check-ins em pontos de interesse, o app mobile incorporou uma série de mecanismos que estimulam o envolvimento dos usuários e o seu uso contínuo.

Sempre que um check-in é realizado, o usuário ganha pontos. Eles são definidos por fatores como a frequência com que o local é visitado, se ele é a pessoa que mais check-ins realizou em um ponto e se outros amigos estão presentes.

Há também um rank entre os amigos do usuário, para que ele possa avaliar se obteve mais pontos do que os seus contatos em um determinado período. Assim, a partir de medidas simples e uma pontuação que aumenta a partir do uso contínuo, o Swarm ganhou uma base ativa e engajada de usuários.

Diante do potencial comercial que essa estratégia tem, muitas empresas demonstram interessem em conhecer o que é gamificação e como ela pode ser utilizada em seu dia a dia. Isso ocorre pois uma boa estratégia de gamificação auxilia o negócio a ter um ambiente corporativo com um nível muito mais elevado de engajamento: sem perceber, os profissionais serão motivados a se envolver diretamente nas estratégias definidas pela equipe de planejamento e na busca por melhores resultados.

O uso da gamificação no ambiente de trabalho deve ser considerado, portanto, como uma forma de manter o trabalhador envolvido no dia a dia do negócio. Em treinamentos, rotinas de trabalho ou processos de otimização, a equipe estará mais engajada e impulsionada a atingir os objetivos esperados. Dessa forma, indiretamente, o negócio poderá ser mais competitivo e lucrativo.

Como a gamificação pode auxiliar a empresa a atingir melhores resultados?

Quem já teve acesso a um bom video-game ou aplicativo que sabe incentivar a gamificação corretamente compreende, ainda que de modo intuitivo, como essa estratégia afeta a rotina dos usuários. Essa metodologia consegue gerar grande impulsionamento nos processos corporativos e nas decisões tomadas pelos líderes, uma vez que os funcionários terão mais mecanismos e inventivos para se envolver na busca por melhores resultados. Veja a seguir os impactos positivos que isso gera para a empresa!

Aumento de engajamento

Esse é um dos impactos mais notáveis da gamificação. A gamificação terá como primeiro resultado o aumento do engajamento dos times nos processos de seu dia a dia.

Isso ocorre pois a perspectiva clara de reconhecimento direto e indireto, assim como o incentivo à competitividade se tornam fatores que levam os profissionais a ficarem mais envolvidos nas suas atividades. Todas as equipes buscarão se destacar frente a outros times e conseguir se manter em primeiro lugar nos rankings de gamificação.

Maior produtividade

Se os times estão mais engajados, também há como aumentar a produtividade. Isso ocorre principalmente quando a gamificação é utilizada para maximizar o aproveitamento dos recursos disponíveis. Dessa forma, haverá sempre a busca por um ambiente de trabalho otimizado, em que ocorrem poucos erros e todos atingem as suas metas com economia.

Metas atingidas facilmente

A melhoria no ambiente de trabalho causado pelos incentivos indiretos da gamificação permite que mais metas sejam alcançadas. Como os times saberão que serão reconhecidos pelo seu alcance de objetivos, mais pessoas trabalharão para atingi-los. Dessa forma, todo o negócio entregará os resultados esperados pela equipe de planejamento.

Ganho de competitividade

Os fatores listados acima, em conjunto, geram um benefício em conjunto que coloca todo o negócio a frente de sua concorrência, que é o aumento de competitividade. Afinal, haverá um ambiente de trabalho que performa com muito mais inovação, agilidade, integração e produtividade. Assim, os clientes terão acesso a produtos e serviços de alta qualidade, algo que permite ao empreendimento se destacar diante de outras marcas.

Quando a gamificação pode ser aplicada?

No ambiente corporativo a gamificação está sendo aplicada em vários cenários. Veja a seguir alguns dos mais tradicionais!

Processos seletivos

Nos processos seletivos a gamificação auxilia o analista de recrutamento a identificar vários fatores que podem orientar a empresa a escolher um profissional alinhado com as suas demandas. A técnica auxilia na identificação de um conjunto de competências e habilidades fundamentais caso integrada com dinâmicas de recrutamento, como liderança, ética, companheirismo e capacidade de trabalhar em grupo. Assim, o RH poderá mensurar as qualidades dos profissionais com critérios mais objetivos e garantir que a decisão tomada será a mais robusta possível.

Feedbacks

Um fluxo de feedbacks auxilia a empresa a ser capaz de sempre otimizar as suas atividades. Afinal, os profissionais conseguirão identificar continuamente as práticas que dão certo e o que pode ser feito para corrigir falhas.

Nesse sentido, a gamificação cria um processo de feedback automatizado e que é mantido de modo contínuo. Os pontos subirão na medida em que o profissional consegue manter o seu fluxo de trabalho com um bom nível de qualidade. Dessa forma, identificar problemas será fácil e ágil.

Treinamentos

Os treinamentos são um dos melhores momentos para se aplicar a gamificação. Nesse cenário, a estratégia motivará os profissionais a se envolverem nos processos de aprendizagem.

O ambiente do treinamento ficará mais leve e envolvente. Como consequência, a absorção de conceitos e os resultados do processo de treinamento serão muito mais amplos.

Motivação do alcance de metas corporativas

Empresas mantém metas para todas as suas equipes. Elas orientam os times a planejar os seus trabalhos a partir de um conjunto claro de objetivos de curto, médio e longo prazo. Assim, todos podem trabalhar com mais foco e qualidade.

Nesse sentido, a gamificação amplia o engajamento de cada time para atingir as suas metas. A expectativa de receber recompensas e reconhecimento motiva os profissionais a se envolverem em seus fluxos de trabalho. Dessa maneira, todos buscarão continuamente formas de obter resultados mais satisfatórios.

Reuniões de planejamento e alinhamento

A gamificação também pode ser aplicada em reuniões, especialmente aquelas que envolvem o alinhamento de novas medidas ou o planejamento de projetos. Nesse caso, ela contribuirá para, de modo descontraído e divertido, motivar a equipe a se envolver nos processos de tomada de decisão. Além disso, contribuirá para manter o foco e a atenção a cada item da pauta.

A gamificação pode ser adotada como uma forma de estimular o engajamento, trazendo mais reconhecimento para aqueles que trabalham ativamente nos processos decisórios. Ela também permite aos gestores motivar a absorção dos conhecimentos apresentados na reunião, a troca de experiências e a sugestão de novas ideias. Dessa forma, as reuniões serão muito mais capazes de entregar bons resultados para a companhia.

O que é a metodologia Lean Six Sigma?

A metodologia Lean Six Sigma surgiu anos como uma maneira de otimizar processos corporativos. Ela trabalha a partir de um conjunto de técnicas baseadas no Lean Manufacturing e no Six Sigma que permitem ao negócio identificar problemas no fluxo de trabalho, avaliar em que ponto está a sua causa e qual a melhor maneira de corrigi-los.

Ela também pode ser estruturada para gerar fluxos de melhoria contínua no ambiente de trabalho. Dessa forma, os ciclos produtivos se tornam mais enxutos, eficientes e capazes de gerar maiores resultados a médio e longo prazo.

Como a metodologia Lean Six Sigma pode ser utilizada ao lado da gamificação?

A decisão de implantar o Lean Six Sigma ao lado da gamificação auxilia a empresa a compreender melhor como otimizar os seus processos com o envolvimento das equipes. Os talentos de todos os profissionais serão colocados em uso para estruturar um processo de otimização permanente, em que todos atuam lado a lado para gerar melhores resultados. Ao mesmo tempo, haverá impulsionamento das medidas corretivas aplicadas pela empresa.

Veja a seguir como esses dois polos são relacionáveis durante a integração da metodologia Lean Six Sigma com os processos de gamificação!

Incentivo de engajamento profissional na melhoria do ambiente corporativo

Como apontamos, a aplicação do Lean Six Sigma tem como principal objetivo tornar a empresa mais eficaz a partir da criação de ciclos de otimização contínua. O negócio fará analises permanentes para melhorar os seus fluxos e, assim, gerar mais receitas. Mas, para que cada mudança seja capaz de atingir os objetivos esperados, é fundamental que o negócio tenha o engajamento dos times.

Se as otimizações feitas não forem completamento incorporadas no dia a dia do negócio, as chances de elas darem certo são mínimas. Os profissionais manterão práticas de pouca qualidade e que perpetuam fatores que contribuem para a perda de produtividade do negócio. Portanto, ter equipes engajadas é algo crucial.

Com a gamificação, esse fator poderá ser estimulado facilmente. Assim que as mudanças nos fluxos de trabalho forem comunicadas, os profissionais receberão, também, o alerta de recompensas e incentivos para a melhoria das suas rotinas. Dessa forma, eles ficarão mais motivados a fazer um trabalho dentro dos novos padrões e que seja capaz de entregar os resultados esperados.

Identificação de pontos a serem melhorados

Um dos fatores que levam empresas a serem mais competitivas é a possibilidade de profissionais realizarem sugestões e participarem dos processos de tomada de decisão. A integração da equipe com os líderes gera mais engajamento, dá confiabilidade para o planejamento adotado e evita conflitos. Além disso, cria um ambiente com harmonia.

Para incentivar que os times atuem mais ativamente no uso da metodologia Lean Six Sigma e se envolvam na busca por meios para otimizar as suas atividades, a gamificação pode ser aplicada de maneira abrangente. A empresa poderá recompensar e reconhecer as equipes que se envolvem mais ativamente na busca por falhas, assim como os times que aplicam mudanças no ambiente corporativo e trazem novas ideias. Dessa maneira, será muito mais fácil encontrar soluções inovadoras para problemas recorrentes.

Empresas são competitivas por vários fatores. Inovação e integração profissional são alguns. Há também a capacidade de gestores evitarem erros e melhorar os fluxos operacionais, algo que contribui para ampliar todos os indicadores.

Mas para que todas as medidas tomadas pelo time de gestão sejam funcionais, é crucial ter engajamento das equipes. São elas que aplicarão no dia a dia as escolhas do gestor, assim como executarão os projetos definidos pelo planejamento. Por isso, incentivar o envolvimento dos times no dia a dia do negócio é algo crítico.

Se a companhia sabe o que é gamificação e como ela pode ser aplicada, manter os times envolvidos será algo fácil. Utilizando essa estratégia ao lado do Lean Six Sigma, o negócio poderá maximizar os seus resultados unificando ciclos de melhoria contínua com mecanismos para manter os times engajados. Portanto, sempre considere o investimento nessa abordagem para garantir que o negócio alcance os resultados esperados.

Gostou da nossa dica e quer saber mais como o Lean pode ser integrado ao dia a dia da sua empresa? Assine agora a nossa newsletter para receber futuros posts do blog sobre o tema!

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.