excelencia

Excelência operacional e profissional: como alcançar esse resultado?

publicado em | atualizado em

Você pode até saber o que é excelência, mas consegue responder quais são os critérios que a definem?

Se tem dúvidas a respeito, não se sinta sozinho.

Muitas pessoas têm opiniões diferentes sobre um produto ou serviço possuir qualidade muito superior, que é o que excelência significa.

Essa análise pode até parecer individual, mas não se engane.

Para quem busca a excelência operacional (no caso das empresas) ou profissional (no caso dos trabalhadores), entender o que precisa para atingir tal resultado é fundamental.

A boa notícia é que a qualidade de ser excelente pode ser medida por meio de metodologias e princípios.

E é justamente sobre isso que vamos falar a partir de agora.

Acompanhe este conteúdo até o final e descubra como alcançar a excelência em seu negócio ou na sua carreira.

O que é ter excelência?

Excelência é a característica de ser excelente, com qualidade muito superior.

Um produto desenvolvido com perfeição ou um serviço prestado dessa forma são bons exemplos.

Porém, não se trata de um acerto isolado.

Ter excelência no dia a dia de uma empresa significa executar estratégias de negócios de forma consistente.

Isso quer dizer reduzir riscos operacionais, ter menores custos, baixo índice de desperdícios e uma cultura de melhoria contínua que sempre persegue o resultado ideal, tanto para a própria companhia quanto para seus clientes.

A excelência é ainda mais necessária nos modelos de negócios em rápida mudança impulsionados pela tecnologia de hoje.

Algumas das principais metodologias de processo utilizadas para medir e atingir a excelência são Lean Manufacturing, Six Sigma, Kaizen e Hoshin Kanri.

Ao longo deste conteúdo, vamos falar mais sobre elas.

Alcançar a excelência: realidade ou utopia?

Alcançar a excelência é possível com uma nova mentalidade.

É preciso ir além de discursos para implementar, de fato, uma mudança de longo prazo – seja na cultura organizacional ou na própria carreira. 

Essa cultura é construída sobre princípios orientadores de integridade, atitude questionadora, resolvedora de problemas, trabalho em equipe e orientado a processos.

A excelência se manifesta por meio do desempenho integrado em receita, custo e risco e tem como foco atender às expectativas do cliente com foco total na qualidade do que é entregue a ele.

Já no âmbito profissional, não há como atingir esse resultado sem investir em desenvolvimento de carreira, como vamos ver mais à frente.

Importância da excelência operacional

Perguntado sobre excelência operacional, você poderia resumi-la à qualidade nos produtos.

Não estaria errado, mas essa é uma visão um pouco limitada.

Até porque a qualidade do que se entrega ao mercado é resultado de um processo muito maior.

E, como não poderia deixar de ser, a excelência é uma das marcas desse processo.

Acompanhe outras vantagens que ela agrega para entender a sua importância no meio corporativo.

Detecção rápida de problemas

Na excelência operacional, os funcionários são capazes de resolver problemas em sua raiz o mais rápido possível. 

Eles devem saber quais ações executar e ter autonomia para tomar uma decisão sem que seja preciso consultar seu supervisor todas as vezes. 

Além disso, detectar os problemas rapidamente evita que eles se acumulem. 

Economia de tempo

A excelência operacional permite que se gaste menos tempo com problemas, imprevistos e distrações.

Há toda uma cultura voltada à produtividade, com processos organizados e padronizados, além de ciclos de manutenção programada nos equipamentos.

Assim, o tempo é usado da melhor maneira, deixando a empresa mais próxima de seus objetivos.

Possibilidade de crescimento

É muito mais fácil crescer quando há um ambiente de excelência, onde a qualidade é superior em cada processo.

A própria padronização já citada contribui nesse sentido.

Tome como exemplo franquias de restaurantes como o McDonald’s, que tem ações mapeadas e definidas, com o conhecimento de todos os envolvidos.

Reduzindo os gargalos na produção, os desperdícios também são limitados.

A empresa consegue fazer mais, melhor e em menos tempo, o que tem tudo a ver com excelência operacional.

Redução de desperdícios

E por falar em desperdícios, vale um comentário à parte.

Não resta dúvidas de que alcançar a excelência operacional ajuda a evitar desperdícios.

Os funcionários, então, devem se esforçar para garantir que as partes do sistema pelas quais são responsáveis ​​não estejam desperdiçando recursos. 

👉 Saiba como evitar os principais desperdícios de produção para alcançar a excelência

O que caracteriza um trabalho de excelência

Muitas das características de um trabalho de excelência têm origem nos métodos utilizados.

Vamos conferir, então, como cada metodologia contribui para moldar essa qualidade superior esperada.

Sem desperdícios

A metodologia Lean Manufacturing trata da redução e eliminação de desperdícios sem afetar a produtividade.

Tem por objetivo implementar e padronizar processos eficazes, reduzindo tempo e custos.

Considera o desperdício como qualquer atividade ou gasto de recursos que não agregue valor. 

No Lean Manufacturing, existem oito tipos de desperdícios, identificados em seguintes áreas:

  • Transporte
  • Estoque
  • Espera
  • Superprodução
  • Defeitos
  • Excesso de processamento
  • Movimentação
  • Intelectual.

Resolução rápida de problemas

Em um trabalho de excelência, problemas são resolvidos na medida com que surgem.

Isso pode ser realizado pela implementação do DMAIC, uma espécie de roteiro de projetos Lean Six Sigma

DMAIC é um acrônimo para Define”, “Measure”, “Analyse”, “Improve” e “Control”, que em português significa:

  • Definir: definir o problema para resolvê-lo
  • Medir: medir todos os seus dados disponíveis, com detalhes de seus processos
  • Analisar: analisar suas descobertas e encontrar a raiz do problema
  • Melhorar: depois de analisar seus dados, encontrar possíveis soluções e implementar
  • Controlar: garantir a manutenção do seu novo processo implementado.

Melhoria contínua

Kaizen tem origem japonesa e significa “mudança para melhor”.

Essa metodologia se refere a atividades que visam a implementação de mudanças positivas e contínuas no trabalho. 

Em outras palavras, é uma estratégia que envolve funcionários de todos os níveis da empresa para trabalharem juntos e de forma proativa com o objetivo de alcançar melhorias.

Para isso, não é suficiente realizar mudanças uma vez – as empresas precisam se esforçar para melhorar continuamente. 

Inúmeras empresas aplicaram o conceito e a estratégia da Kaizen para aumentar a produtividade dos funcionários, reduzir custos, melhorar a experiência geral do cliente e alcançar a excelência.

Como ser um profissional de excelência

Falando agora sobre profissionais que perseguem a excelência para alcançar destaque no mercado de trabalho, há também alguns atalhos.

Resumidamente, o caminho passa pelo desenvolvimento, tanto com habilidades comportamentais (soft skills) quanto técnicas (hard skills), que exigem investir em conhecimento.

Vamos ver quais etapas é preciso cumprir para esse objetivo.

1. Mostre respeito a todos

Preste atenção a todos – de gestores de alto nível a funcionários da linha de montagem.

Todos possuem potencial e valor. 

No caso dos líderes, uma maneira de mostrar respeito é conceder autonomia e confiar o poder de decisão aos funcionários.

2. Tenha humildade

Por melhor profissional que você seja, ninguém faz nada sozinho – e a humildade de reconhecer isso qualifica o resultado final de suas ações.

Além disso, todos podemos evoluir, aprender e desenvolver uma competência nova.

Não é possível melhorar até que se reconheça suas deficiências e trabalhar no que falta.

3. Faça o melhor possível

Perfeição e excelência são palavras que caminham juntas.

Embora ninguém seja perfeito, a busca por processos sem defeitos aproxima você da excelência.

4. Estude continuamente

A chave para qualificar o desempenho está no conhecimento que você possui.

A Escola EDTI possui diversas certificações que ajudam profissionais a se tornarem excelentes por meio das metodologias que já mencionamos.

Veja algumas delas:

Conclusão

Depois de tudo o que você viu neste artigo, temos certeza de que enxerga a excelência como uma conquista possível.

O próximo passo, então, é construir um plano de desenvolvimento para chegar a esse resultado, seja na empresa ou na carreira como um todo.

Uma das metodologias utilizadas para garantir melhores resultados e mais produtividade é a Kaizen.

Baixe nosso e-book gratuitamente e veja como implementar a melhoria contínua.

[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d<c.length;d++){var e=c[d]
[index]
[index]
[523.251,659.255,783.991]
[523.251,659.255,783.991]
[523.251,659.255,783.991]
[523.251,659.255,783.991]
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d<c.length;d++){var e=c[d]
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[ function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d<c.length;d++){var e=c[d]