Pular para o conteúdo
Você está aqui: Início / Blog / Como usar o endomarketing como ferramenta de motivação e produtividade

Como usar o endomarketing como ferramenta de motivação e produtividade

Apesar de tão presente e importante nas empresas, o endomarketing ainda é um assunto que gera certa confusão.

Assim como muitas pessoas confundem marketing com simples propaganda, o mesmo acontece com sua vertente interna.

Em ambos os casos, publicidade e propaganda têm um papel fundamental, mas são apenas uma das possíveis iniciativas considerando o escopo dessas disciplinas.

Talvez seja até mais adequado falar sobre promoção, e não publicidade, tendo em vista o real objetivo do endomarketing, mas essa é outra discussão.

O que vamos focar neste artigo é no uso do marketing interno como meio para fomentar a produtividade e tornar o ambiente de trabalho mais estimulante.

Avance na leitura e fique por dentro!

Endomarketing: o que é?

Marketing é a soma das ações e estratégias para promover produtos e serviços, além de viabilizar sua distribuição, explorar mercados com objetivos de negócio e para a satisfação de um público-alvo.

Já o endomarketing é a internalização desse leque de atividades no contexto das empresas.

Se no marketing o alvo é o consumidor, no endomarketing, as ações estão concentradas nos colaboradores de uma empresa ou em seus parceiros de negócio.

A diferença fundamental é que, no endomarketing, o relacionamento ganha uma relevância ainda maior.

Não por acaso, ele é muitas das vezes associado a um ramo da comunicação que, embora também seja usado para promoção, tem um escopo distinto: a comunicação interna.

Comunicação interna e endomarketing: qual a relação?

Se considerarmos os objetivos de cada área, fica mais simples entender onde endomarketing e comunicação interna se relacionam.

O primeiro consiste em ações voltadas para engajar e motivar os colaboradores em suas funções, tornando-os mais produtivos, gerando assim mais valor para a empresa.

Já a comunicação interna presta um serviço informativo para os funcionários, que se mantêm a par de assuntos de interesse por meio de mídias abastecidas pela própria organização.

Objetivos do endomarketing nas empresas

Empresas de sucesso sabem que, para se manterem competitivas, precisam definir um plano de negócios consistente.

Por sua vez, esse plano é desmembrado em outros planos, como o financeiro, de marketing, tributário/contábil e por aí vai.

Para que esses planos sejam bem-sucedidos, um elemento é indispensável: a participação ativa e efetiva das pessoas envolvidas.

Nesse aspecto, o endomarketing pode ser trabalhado com a ideia de engajar os colaboradores de uma empresa em seus objetivos estratégicos.

É também um meio de promover os valores da organização, fazendo assim com que as pessoas os adotem também para si.

Essas iniciativas ajudam ainda a criar metas comuns, fomentando o trabalho em equipe e o espírito colaborativo.

Não menos importante, os canais de endomarketing servem para aumentar o engajamento dos profissionais, que passam a se sentir mais integrados ao ver sentido naquilo que fazem.

Endomarketing como ferramenta de gestão de pessoas

Formar e manter times de alta performance é o “sonho de consumo” de toda organização.

Empregados engajados com os objetivos da empresa e que sejam adeptos dos produtos ou serviços que vendem são sem dúvida seus melhores promotores.

Imagine, por exemplo, um trabalhador da montadora X que prefere carros da montadora Y.

Não é proibido, é claro, mas não pega muito bem, concorda?

Uma maneira de evitar isso é desenvolver ações e estratégias de endomarketing que aumentem o envolvimento de cada funcionário com a empresa e suas soluções.

Essa é apenas uma das muitas ações afirmativas possibilitadas pelo endomarketing, que é um poderoso instrumento para alcançar resultados melhores.

Endomarketing e motivação

A motivação no trabalho está relacionada a fatores externos e internos.

Ela pode ser trabalhada de fora para dentro, mas deve vir principalmente de dentro para fora.

É nesse segundo aspecto que as empresas encontram seus maiores desafios para engajar seus colaboradores, afinal, cada indivíduo tem suas próprias aspirações e expectativas.

De qualquer forma, a experiência comprova que a motivação é algo que pode ser induzido, como sugere um estudo de caso liderado por pesquisadores da Fundação Carmelitana Mário Palmério (FUCAMP).

O mais importante, segundo aponta a pesquisa, é que o marketing interno traz resultados concretos, principalmente no nível da motivação.

Endomarketing e produtividade

Outro estudo de caso sugere que empresas com elevada produtividade conseguem bons resultados desenvolvendo estratégias e ações de endomarketing.

No levantamento realizado entre os funcionários de uma empresa, ficou demonstrado que a alta capacidade produtiva está ligada a ações de motivação, um ambiente organizacional agradável e no qual as pessoas são reconhecidas.

Pode haver outros motivos que levam a empresa a apresentar uma alta performance.

De qualquer forma, sem um trabalho consistente em cima da própria imagem junto aos colaboradores, é pouco provável que esse desempenho seja alcançado.

Como fazer um projeto de endomarketing

O endomarketing demanda planejamento, da mesma forma que as ações de marketing, a fim de que seus propósitos sejam alcançados em tempo hábil e a um custo acessível.

Marketing interno é um somatório de esforços, e não se pode esperar bons resultados fazendo as coisas de improviso.

Por outro lado, como começar do zero, quando a empresa não dispõe de uma estrutura para isso, tampouco de canais de comunicação estabelecidos?

Nesse caso, o sucesso vai depender fundamentalmente da capacidade de montar um projeto ajustado às capacidades e necessidades da empresa.

Saiba como dar o pontapé inicial a seguir.

Encontre uma equipe de especialistas

Da mesma forma que não nos arriscamos a construir uma casa sem o apoio de arquitetos e engenheiros, um plano de endomarketing precisa ser conduzido por especialistas.

A empresa pode montar uma equipe própria ou, se preferir, terceirizar os serviços para uma empresa do ramo.

A contratação de pessoal traz como principal vantagem o maior controle sobre as atividades, mas em contrapartida, os custos são mais altos.

Por sua vez, a terceirização sai mais em conta, podendo gerar resultados tão bons quanto um setor dedicado, embora com menos controle direto.

Defina metas SMART

Com os profissionais contratados, é hora de dar início ao planejamento, que começa pela definição dos objetivos a serem alcançados.

Para essa etapa, vale utilizar a ferramenta SMART de definição de metas, as quais devem ser:

  • S (Specific): específicas no que se propõem
  • M (Measurable): quantificáveis e mensuráveis
  • A (Attainable): possíveis de alcançar
  • R (Relevant): desafiadoras e relevantes
  • T (Time-based): contar com um prazo para realização.

Isso vale até para as metas ligadas à motivação, que, embora seja um quesito aparentemente subjetivo, pode ter seus resultados medidos de forma objetiva.

É o que fazem as empresas que recorrem às pesquisas de satisfação ou que medem a motivação associando-a ao aumento na produtividade.

Estabeleça processos de comunicação interna

Um projeto de endomarketing eficaz não pode abrir mão de um fluxo de comunicação interna constante.

Vamos imaginar que você trabalhe em uma grande empresa, com múltiplas filiais em todo o Brasil, e planeja publicar um informativo com tudo de relevante que acontece em cada uma delas.

Para isso, é fundamental que exista um processo permitindo que as informações e as notícias cheguem aos profissionais de comunicação.

Essa empresa poderia, por exemplo, definir junto à comunicação interna uma rotina de apuração, na qual o setor faria contato com as filiais, a fim de saber o que está acontecendo.

Ou pode delegar a cada uma das filiais a tarefa de reportar ao setor de comunicação periodicamente suas ações e iniciativas de interesse do público interno.

Trabalhe com planos de ação

Uma vez definidas as metas e os processos internos de comunicação, é hora de planejar a ação propriamente dita.

Um aspecto importante a ressaltar é que toda e qualquer ação precisa estar vinculada aos objetivos estratégicos da empresa.

Se o objetivo fosse aumentar o índice de satisfação do cliente em 15%, de que forma o endomarketing poderia trabalhar para que essa meta seja atingida?

Para responder a esse questionamento, o plano de ação é a maneira mais eficaz de assegurar que um objetivo será alcançado com o tempo e recursos disponíveis.

Conheça seus colaboradores e seus anseios

O marketing interno não faria tanto sentido se ele fosse simplesmente imposto de cima para baixo.

Ao definir o planejamento, faz toda a diferença conhecer as expectativas dos colaboradores para saber se elas estão minimamente alinhadas ao que a empresa pretende fazer.

Se a discrepância for muito grande, vale trabalhar primeiro para aumentar a satisfação dos empregados antes de colocar em prática um plano de ação estratégico.

Isso porque o endomarketing é uma via de mão dupla, na qual a empresa influencia e é influenciada pelo que seus colaboradores pensam.

Diversifique as ações

Endomarketing é muito mais do que publicar um jornal com notícias sobre a empresa.

Assim como no marketing, existe uma ampla gama de iniciativas, ações e medidas que podem ser utilizadas para motivar e elevar a produtividade.

Eventos, por exemplo, são uma excelente maneira de estimular a convivência e aumentar a motivação.

A empresa pode ainda investir em parcerias com outras empresas para ampliar a oferta de serviços e benefícios aos seus colaboradores.

Convênios com clubes, redes de lojas e clubes de compras podem ajudar nesse sentido. 

São iniciativas que geram repercussão positiva, ajudando a consolidar a reputação de uma empresa, que assim comprova a preocupação com o bem estar dos seus colaboradores.

Avalie os resultados periodicamente

Um planejamento tem como objetivo fundamental antecipar riscos e dar mais segurança para o atingimento de metas.

No entanto, isso não quer dizer que ele seja infalível ou que não esteja sujeito a erros em sua concepção.

Assim, é igualmente importante que o plano de ação de endomarketing seja cuidadosamente acompanhado por meio de avaliações de resultados periódicas.

Só assim os gestores saberão se os objetivos estão realmente próximos de serem alcançados ou se alguma correção precisa ser feita.

?Confira no guia: saiba como analisar e apresentar os resultados da sua empresa com facilidade.

6 ações de endomarketing para estimular a produtividade

Lembre que o objetivo número 1 do endomarketing é motivar e, com isso, aumentar a produtividade, da mesma forma que o marketing busca estimular o consumo.

Como já destacamos, a diferença está no foco dado ao relacionamento, muito mais presente no marketing interno.

Portanto, o endomarketing precisa fazer com que as pessoas se sintam acolhidas e se identifiquem com a empresa e seu propósito primordial.

Confira abaixo como fazer isso de seis maneiras diferentes:

1. Destaques do mês

Vimos no estudo de caso sobre produtividade que a sensação de ter o trabalho reconhecido pode tornar um colaborador mais produtivo.

Para isso, nada melhor do que divulgar para toda a empresa quem são os funcionários que mais se destacam exercendo suas funções.

O time de endomarketing pode trabalhar em conjunto com outros setores, no sentido de estabelecer critérios de avaliação.

É interessante dar autonomia para que cada departamento nomeie os seus próprios destaques e se encarregue de explicar como e por que eles estão sendo indicados.

A partir dessas informações, o setor de endomarketing pode fazer uma triagem até chegar ao colaborador que mais se destaca.

2. Pesquisa de satisfação

Nada mais simples e direto do que saber das pessoas se as iniciativas da empresas estão indo ao encontro do que elas esperam.

A pesquisa de satisfação serve para isso, já que é o instrumento para medir o alcance e o sucesso das ações de endomarketing.

Ela pode servir de base para possíveis melhorias envolvendo aspectos como ambiente de trabalho, infraestrutura e comunicação, entre outros.

Para que uma pesquisa seja ainda mais efetiva, é importante que ela seja realizada periodicamente, até como forma de medir a efetividade das ações em pesquisas anteriores.

3. Programas de treinamento

Nada mais contraproducente do que uma equipe destreinada ou “enferrujada” em seu ofício.

Então, para que a motivação e a produtividade estejam sempre em alta, vale fazer um esforço para direcionar os colaboradores para programas internos de treinamento.

Ou, se a empresa decidir que é melhor, pode financiar seus estudos, arcando com os custos de cursos livres, de pós-graduação ou mesmo de graduação.

?Conheça o curso black belt da Escola EDTI e seja um expert em Lean Six Sigma!

4. Promoções e sorteios

Assim como o comportamento de compra é estimulado com brindes, sorteios e promoções, o mesmo pode ser feito com a motivação no trabalho.

Afinal, qual colaborador não se sentiria feliz e satisfeito com uma empresa generosa e que sabe premiar?

Só tenha o cuidado de planejar bem as regras e dar transparência ao processo.

5. Estímulo positivo

Não é de hoje que o clima organizacional é considerado como um dos fatores mais relevantes para atrair e reter talentos.

Uma forma de estimular um bom ambiente é trabalhar em cima do estímulo positivo, em que a empresa passa a valorizar comportamentos mais altruístas e em prol do grupo.

6. Eventos e celebrações

Se nós celebramos nossas conquistas no nível pessoal, por que não fazer isso com as pessoas que fizeram parte delas?

Assim são os eventos corporativos, uma ótima estratégia para gerar buzz e, com isso, aumentar a audiência das mídias empresariais e de seus canais externos de comunicação.

5 ferramentas e metodologias de apoio ao endomarketing

Uma estratégia de endomarketing não pode ser realizada sem as ferramentas e meios apropriados.

Conheça cinco deles a seguir:

1. Intranet

Bastante comum em grandes empresas, as redes de intranet consistem em um ambiente virtual no qual diferentes setores podem se comunicar em rede.

Ela pode ser usada tanto para fins administrativos como para a comunicação interna, sendo também indicada para ações promocionais de endomarketing.

2. Newsletter

Estratégia de marketing digital, o e-mail marketing é uma das mais eficazes ferramentas para gerar leads (potenciais clientes) e vendas.

No endomarketing, ele pode ser usado no formato de newsletter, em que a empresa dispara mensagens informativas sobre assuntos de interesse geral.

3. Grupos de WhatsApp

O aplicativo de comunicação mais utilizado do mundo pode ser também um excelente canal de comunicação entre equipes em uma empresa.

Para ser ainda mais efetivo, podem ser criados grupos na versão Business, que conta com recursos de análise de tráfego muito mais completos do que o WhatsApp convencional.

4. Redes sociais

As redes sociais são um meio muito efetivo para fazer com que uma mensagem seja divulgada para o maior número possível de pessoas.

Facebook, Instagram, Twitter e Youtube, entre outras, são indispensáveis enquanto canais de comunicação e para gerar engajamento.

Vale ressaltar que, no Facebook, é possível também criar grupos para gerar ainda mais aproximação e estimular a comunicação entre pessoas com os mesmos interesses.

5. Lean Six Sigma

Outra forma de aumentar a produtividade na empresa é recorrer a metodologias de gestão consagradas e de comprovada eficácia.

Uma delas é o Lean Six Sigma, cujo escopo está nos processos de melhoria contínua, conforme os princípios Kaizen.

Apesar de ser aplicado principalmente na indústria, onde nasceu e se desenvolveu, o Six Sigma pode ser implementado em empresas de todos os segmentos.

?E-book: conheça as vantagens da certificação Six Sigma

Conclusão

Uma empresa pode até ter bons resultados sem o uso do endomarketing, mas, nesse caso, essa ferramenta pode deixá-los ainda melhores!

Outro investimento que gera retorno é fazer os cursos da Escola EDTI.

Temos formação green belt ou black belt em metodologia Lean para você ir mais longe na carreira!

Continue aprendendo, acessando agora o e-book sobre DOE (Design of Experiments) nos seus futuros planejamentos!

1 comentário em “Como usar o endomarketing como ferramenta de motivação e produtividade”

  1. Pingback: Treinamento in company: tipos, benefícios e como fazer

Deixe um comentário

Inscreva-se em nossa newsletter

E receba por email novos conteúdos assim que forem publicados!

Desenvolvido por: